quarta-feira, 4 de junho de 2008

A Sombra do Vento

G-e-n-i-a-l!

Este livro foi escrito a pensar em mim, só pode.

Estão a ver aquela vontade incontrolável de comer tudo o que nos aparece à frente e que, por mais que tentemos, não conseguimos combater? Pois bem, assim estou eu com o livrinho (aliás, livrão!) do Zafón. Com a história de 'só mais uma página' foram 76! Pois bem, acho que no teste de Filosofia sobre religião, hierofanias, Kierkegaard, Jean Paul-Sartre, Albert Camus, blá blá blá, a única coisa de que me vou lembrar é que Julián Carax é...

Zuza, cala-te. Pronto, está bem. Não estrago, não conto. Falta pouco, muito pouco para o The End.

Este livro deve constar da vossa lista dos livros que têm obrigatoriamente de ler antes de morrer. E se não têm uma lista destas? (perguntam vossas excelências) Passam a ter e escrevem na primeira linha: A Sombra do Vento, Carlos Ruiz Zafón.

(O Abreu sempre teve jeito para prendas de aniversário.)

Zuza, e as letras.

4 comentários:

Mary disse...

Eu não tenho uma lista denominada Livros que hei-de ler antes de morrer, mas convenceste-me.
Vai ser mais um a estar na lista de espera.
:)

Minhocas na Maçã disse...

Acredita que não te vais arrepender. =)

Sara disse...

Eu tenho uma lista Para Comprar e uma lista Para Investigar. A Sombra do Vento está na primeira. :)

xary disse...

Tenho tantos por ler (e por comprar, essa é uma lista que cresce e cresce) mas já há muito tempo que esse está na fila para não ser esquecido. Das reacções que já vi parece-me que vou conhecer o mesmo deslumbramento. E ainda bem :)

Beijo *

(parabéns atrasados, já agora :$)