quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Blindness

Com poucas expectativas estou, não porque o que se dá a mostrar não seja bom (avé Julianne Moore), mas porque será difícil transpor tal obra para os olhos de quem ao ter lido a mesma sabe ser impossível fazê-lo. Quem experiencia tais emoções apenas com letras, levando a história para um universo pessoal devido à anonimidade que caracteriza tão bem a mesma, pode vir a ficar pouco satisfeito com o formato apresentado por Fernando Meirelles. Roubando palavras do próprio Saramago: "o cinema destrói a imaginação." Uma questão de espera, até Novembro.

abreu, talvez sim

2 comentários:

Tiago Ramos disse...

No entanto, o nosso Saramago adorou o filme e deu várias críticas positivas ao realizador e elenco.

Minhocas na Maçã disse...

bem vi o video onde se emociona quando acaba de ver o filme pela primeira vez. mas é sempre preferível estar com baixas expectativas e ficar surpreendido!