terça-feira, 9 de outubro de 2007

Third Act's Finale

É triste. Comovente. Esperançoso. Genial.

Se tivesse sido o final da série, ia logo aos States esquartejar alguém. Mas foi só a terceira temporada que acabou. Grey's Anatomy é de longe a melhor das melhores. Três vivas à tal Shonda Rhimes por se ter lembrado de algo assim.

George e Callie estão no seu melhor: ela é promovida e ambos decidem ter um bebé. Até que os resultados do internato chegam e George é o único a chumbar. Izzie finalmente declara-se a George mas este... nada. Cristina e Burke iam casar, até este perceber que se realmente a amasse nunca lhe obrigaria a passar por tal coisa (no final quando Cristina se apercebe que Burke não volta e entra em desespero está simplesmente fenomenal - Sandra Oh é a cereja no topo do bolo). Karev diz a Ava, ou Rebecca, que deve prosseguir com a sua vida e ficar com o marido, tendo perfeita consciência que está apaixonado por ela. No final arrepende-se mas já é tarde de demais. Shepherd espera, e desespera. Meredith continua indecisa, incapaz de avançar. Nada corre bem para ninguém, e eu quero a quarta temporada rápido ou vou começar a fazer birra.


Gostei de ver uma amostrazinha das novas personagens. Principalmente a que apanhou George de surpresa, e confesso que a mim também. Agora amuei e não vou dizer quem é, vissem o episódio. Não vejo a hora da estreia...

.abreu.

3 comentários:

Miguel Ferreira disse...

Lexi Grey

:D

btw, os primeiros episodios da serie 4, cheios de personagens novas e a ausência de uma em particular (n devia ter feito comentarios homofobicos ao colega de trabalho), continuam a qualiade a que já estamos habituados!

Enthilza disse...

Muahahah eu já vi o primeiro episódio da 4ª temporada :D
Esse último episódio está muito bom mesmo e sim, Sandra Oh é fenomenal.
E neste momento não sei se goste de Lexi Grey ou não.

Mary disse...

Eu também já vi os dois primeiros episódios e alguém está a fazer-me imensa falta e quando penso que não vai voltar...
:-(

A Sandra Oh é genial e já não tenho paciência para as cenas da Meredith e do Derek. Ou bem que ficam juntos ou bem que se separam...