sábado, 22 de março de 2008

Shopping-spree (ou quase)

Doem-me os braços, doem-me as mãos e doem-me os pés. Foi o trânsito até Alcochete, as voltas e voltas nas mesmas lojas, as indecisões (fica bem, não fica, número acima, número abaixo, isto é preto? mas tens a certeza que é preto?), a fome que apertava (para depois parar no Mac - aiii, querido sundae de caramelo com extra cobertura...), o desespero, portanto.

abreu, levo dois de cada se faz favor